Diferenças meias de compressão elásticas e meias de descanso?

11-07-2017 12:51

Meias de compressão elásticas

Meias de compressão elásticas

A terapia compressiva é frequentemente utilizada em patologias do foro venoso e linfático, tais como, insuficiência venosa e linfática nos membros inferiores, incluindo varicosidades, linfedema, eczema venoso e úlcera, trombose venosa profunda e síndrome pós-trombótica. Dentro deste tipo de terapia encontram-se as meias de compressão elástica.

 

O princípio das meias de compressão elástica consiste na aplicação de um grau de compressão que é maior na zona do tornozelo (100%) e que vai diminuindo progressivamente até à coxa (barriga da perna -70% e raiz da coxa -40%). O gradiente de compressão permite que o sangue flua para cima em direção ao coração em vez de se dirigir para baixo para o pé ou lateralmente nas veias superficiais. A aplicação de uma compressão graduada adequada reduz o diâmetro das veias principais, o que aumenta a velocidade e o volume do fluxo sanguíneo, facilita o retorno venoso e melhora a drenagem linfática.

 

As meias de compressão elástica são dispositivos médicos prescritos por um médico para a indicação apropriada. De forma a garantir o gradiente de pressão correto devem ser verificadas as medidas de cada paciente, medidas essas que indicam se o paciente pode usar um tamanho standard ou se deve usar um produto feito à sua medida. A sua área de aplicação destina-se ao tratamento de distúrbios venosos e linfáticos e profilaxia da trombose venosa em pacientes com mobilidade.

 

Meias de compressão elásticas, consoante a área de membro que abrangem:

  • AD - até ao joelho;
  • AG - até à raiz da coxa;
  • AT - Collant;
  • AT/U - Collant de gravidez.

 

Efeito das meias de compressão elástica

 

Como é classificado o grau de compressão?

  • Classe 1: 18-21 mmHg
  • Classe 2: 23-32 mmHg
  • Classe 3: 34-46 mmHg
  • Classe 4: pelo menos 49mmHg

 

Quais são as principais indicações clínicas?

  • Doença venosa crónica: varizes, derrames.
  • Úlcera Varicosa
  • Prevenção de tromboembolismo venoso;
  • Síndrome pós-trombótica;
  • Linfedema e edema crónico dos membros inferiores;
  • Tromboflebite superficial;
  • Gravidez.

           

Quais os principais fatores de risco?

  • Excesso de peso;
  • Falta de movimento (muito tempo sentado ou em pé);
  • Hábitos tabágicos ou alcoólicos;
  • Terapia hormonal (p.ex. Pílula);
  • Vestuário apertado;
  • Calor em excesso (banhos demasiado quentes, sauna, banhos de sol intensos);
  • Uso frequentemente de saltos altos;
  • Viagens longas.

 

Quais os principais sintomas?

 
Sintomas internos e externos
 

Meias de descanso

Meias de descanso

As meias de descanso são adequadas para pessoas sem problemas venosos e não podem substituir as meias de compressão no tratamento de doenças venosas.

 

Este tipo de meias não têm uma pressão regressiva controlada, como acontece nas de compressão, e a sua função é de apoio aos tecidos conjuntivos.

O tamanho é, geralmente, determinado tendo por base o tamanho do calçado, peso e altura do paciente.

A sua utilização é recomendada como uma medida profilática quando ainda não existe sintomatologia.

 

A sua compressão pode ser de 70 Den e 140 Den, e existem nas seguintes versões, consoante a área de membro que abrangem:

  • AD - até ao joelho;
  • AG - até à raiz da coxa;
  • AT - Collant;
  • AT/U - Collant de gravidez.

 

Meias pé de diabético

Meias pé de diabético

 

Tal como no nome indica, as meias para diabéticos destinam-se a pessoas com Diabetes, mas, também, a pessoas com peles sensíveis e delicadas.

Desta forma, estas meias são desenhadas de forma a não possuírem costuras e aperto elástico na zona da extremidade proximal da meia e a controlarem a humidade com o objetivo de reduzir o risco de infeção fúngica (mantendo o calor no Inverno e permitindo que os pés respirem e transpirem no Verão).

 

O material de confeção é principalmente o Algodão, no entanto podem ser realizadas, por exemplo, com recurso a fibra de Prata ou fibra de Crabyon que conferem uma ação protetora, regeneradora, antibacteriana e termorreguladora, o que permite manter o pé de diabético num ambiente saudável e seguro.

 

Como evitar que este tipo de meias se danifique precocemente?

 

Instruções de lavagem e conservação:
  • A primeira lavagem das meias deve ser feita em separado das outras peças de roupa (existe o risco de desbotar);
  • Sempre que possível, lavar as meias à mão, enxaguando muito bem sem as torcer. Se preferir utilizar a máquina de lavar, utilizar o programa das roupas delicadas (de preferência num saco de lavagem em rede). Não utilizar amaciador.
  • Não secar as meias diretamente ao sol ou junto a fontes de calor;
  • Os produtos possuem um tempo de utilização máximo de 6 meses, período esse que depende da sua correta manipulação (cuidados de manutenção e ao calçar e descalçar).

 

Precauções ao colocar as meias:
  • Retirar anéis ou outro tipo de joelharia;
  • Ter cuidados com as unhas para não levantar fios das malhas;
  • Usar sempre as pontas dos dedos no manuseamento das meias e nunca as unhas;
  • Virar a meia do avesso até ao calcanhar, vestir a meia até essa região e só depois começar, lentamente e com cuidado, a puxar a meia até à sua zona final.
  • Para retirar, virar a meia até ao calcanhar, e só aí puxar a meia, cuidadosamente, nessa zona e retirá-la lentamente.

 

Bibliografia:
 

Diabetic.co.uk. (2017). Diabetic Socks. Retrieved from https://www.diabetes.co.uk/diabetic socks.html

Lim, C. S., & Davies, A. H. (2014). Graduated compression stockings. Canadian Medical Association Journal, 186(10), 391–398. https://doi.org/10.1503/cmaj.131281

Juzo®

Medi®

 

Diferenças meias de compressão elásticas e meias de descanso?

Data: 18-10-2018

De: CARLA

Assunto: INFORMACAO

BOA TARDE GOSTARIA DE SABER QUAL MEIA MAIS INDICADA PARA QUEM TRABALHA O DIA TODO EM PE .SINTO UMA GRANDE SENSAÇAO DE PESO ARDOR E CANSAÇO NAS PENAS

Data: 26-09-2018

De: Maria Pereira

Assunto: Viagem de muitas horas sentada

Vou no próximo mês fazer uma viagem de muitas horas de voo e embora não tenha varizes as pernas incham nos tornozelos principalmente, se ficar muito tempo sentada. Que tipo de meia devo usar para prevenir acidente

Data: 08-10-2018

De: Rute Crispim

Assunto: Re:Viagem de muitas horas sentada

Boa tarde Maria Pereira,

Para ir devidamente protegida no minimo deve levar umas meias de viagem. obrigada

Data: 18-09-2018

De: Liliana Paiva

Assunto: Informação

Boa noite,

Em julho foi me diagnosticado uma trombose numa veia do ovário, estou a tomar medicação, hoje comecei a dar aulas e passei quase toda a tarde de pé e senti as pernas muito pesadas. Gostaria de saber que tipo de meias é que devo utilizar.

Data: 08-10-2018

De: Rute Crispim

Assunto: Re:Informação

Boa tarde D Liliana,

Deve verificar junto do seu médico qual a melhor opção para si!
Sem mais informação diria que no mínimo deve usar umas meias de compressão grau I, caso já tenha sido operada entretanto, deve passar para grau II.

Data: 07-08-2018

De: Patrocínia Silva

Assunto: Pernas muito inchadas

Bom dia a minha mãe tem 83 anos e tem as pernas e os pés muito inchados gostava de saber que tipo de meias ela deve de usar.
Obrigada
Cunprimentos

Data: 17-08-2018

De: Daniela Teixeira

Assunto: Re:Pernas muito inchadas

Bom Dia D. Patrocínia,

Necessitamos mais informação para uma boa análise. Convém sabermos se o inchaço advém de problemas venosos ou arteriais ou de outra origem. Visite uma das nossas lojas para um técnico realizar a melhor análise!

Data: 13-07-2018

De: MAFALDA NEVES

Assunto: INFORMAÇÃO

Bom dia , meu pai é diabético ultimamente tem tido os pés inchados pode calçar meias com compressão qual o tipo de meia que deve usar.

Obrigada

Cumprimentos

Mafalda

Data: 24-07-2018

De: Universo Sénior

Assunto: Re:INFORMAÇÃO

Boa tarde e obrigado pelo contacto.
Um diabético não deve usar meias de compressão!
O pai deve usar meias de diabético para evitar pequenas feridas nos pés, uma vez que as meias de diabético não têm costuras para que não exista constrições.

Data: 09-03-2018

De: maria gustavo

Assunto: tromboflebite

Recentemente tive uma tromboflebite. Que tipo de meias devo usar? Obrigada pela atençao.

1 | 2 >>

Novo comentário