Spinomed - Ortótese Dorsolombar para terapia da Osteoporose

02-12-2018 16:22

Spinomed

Ortótese dorsolombar para terapia da Osteoporose

 

A ortótese de coluna “Spinomed” é frequentemente prescrita para indivíduos com Osteoporose, tendo como objetivo desencadear respostas de biofeedback, aumento da mobilidade, entre outros.

Em que consiste a Osteoporose?

A Osteoporose consiste numa doença óssea progressiva caracterizada pela redução da densidade óssea e deterioração do tecido ósseo.

Com o avanço da idade ocorre uma perda da massa óssea o que leva ao aumento da fragilidade dos ossos e a sua suscetibilidade à fratura. O problema desta doença é que, num grande número de casos, não existem sintomas antes de uma fratura. No entanto, uma vez fraturado, a probabilidade de ocorrência de nova fratura aumenta significativamente.

 

As fraturas osteoporóticas são fraturas que resultam de forças mecânicas que, normalmente, não provocariam fraturas. Estas são definidas como fraturas associadas à baixa densidade mineral óssea e incluem fraturas da coluna, antebraço, anca e ombro.

 

Alteração óssea verificada na Osteoporose

Alteração óssea verificada na Osteoporose. Fonte: Lopes et. al. (2017).

 

A Osteoporose afeta principalmente as mulheres, no entanto também existem casos da doença em indivíduos do sexo masculino.

No caso das mulheres, a perda óssea é mais rápida nos primeiros anos após a menopausa e continua com o avançar dos anos.

 

Quais fatores de risco?

Os fatores de risco para esta doença são:

 

Género: maior probabilidade de ocorrência em mulheres, principalmente no pós-menopausa;

Idade: quanto mais velho, maior o risco pois os ossos tornam-se mais finos e fracos com o envelhecimento;

Constituição corporal: massa corporal baixa;

Raça asiática ou caucasiana;

História familiar: risco de fratura pode ser devido, em parte, à hereditariedade.

Sedentarismo;

Imobilização prolongada;

Doenças reumáticas, cálculo renal ou doença gastrointestinal;

Ingestão de álcool;

Fumar;

Anorexia Nervosa;

Baixa ingestão de cálcio e vitamina D;

 

Ausência anormal de períodos menstruais (amenorreia), baixo nível de estrogénio (menopausa).

 

 factores de risco de Osteoporose

 

A Osteoporose e a coluna vertebral

 

Uma das grandes estruturas que sofre com a fragilização óssea é a coluna vertebral. A fragilização da coluna pode provocar micro fraturas ou a deformação da mesma, causando uma curva mais acentuada na zona dorsal formando uma cifose. Esta deformação provoca, muitas vezes, a uma dor intensa com diminuição da mobilidade, enfraquecimento ósseo e muscular.

 

O tratamento desta patologia pode passar por um tratamento conservativo através do uso de ortóteses.

Atualmente, a ortótese dorsolombar frequentemente aconselhada para pessoas com Osteoporose é o Spinomed.

 

Spinomed

 

As ortóteses Spinomed são dispositivos de extensão vertebral e são usadas para auxiliar o tratamento da Osteoporose após fraturas vertebrais na região torácica e/ou lombar ou na prevenção das mesmas, em casos de osteocondrose juvenil e cifose com dor crónica nas costas.

Este dispositivo está disponível atualmente em três modelos: o Spinomed, o Spinomed active e o Spinomed active men.

 

Qual o seu modo de atuação?

 

Os diferentes modelos Spinomed atuam de acordo com o princípio de biofeedback que consiste no seguinte:

Juntamente com a tala posterior, os materiais elásticos utilizados exercem forças de tensão percetíveis sobre as áreas pélvica e dos ombros. Desta forma, se os doentes adotarem uma postura hipercifótica, a ortótese exerce uma pressão suave para os lembrar qual a postura correta. O efeito da tensão provoca a contração reflexa dos músculos das costas e do tronco. Isto permite que o paciente reduza a curvatura dorsal com a sua própria força muscular.

efeito de reforço de musculatura - spinomed

Modo de atuação do Spinomed. Fonte: Medi®

 

Qual a vantagem deste método? Constante fortalecimento muscular, com uma postura mais ereta que torna mais fácil a respiração profunda e alivia a dor. A redução da tendência para oscilações permite que os doentes possam estar de pé com maior segurança.

 

O que distingue os diferentes modelos Spinomed?

 

Spinomed IV

Esta ortótese é composta por um sistema de cintos, localizados na zona pélvica e nos ombros, e uma tala posterior. Indicada para mulheres e homens.

 

 Spinomed IV Medi®

Spinomed IV. Fonte: Medi®

 Spinomed IV - Ortótese Dorsolombar

A -   Tala posterior moldável individualmente o que permite promover o efeito ideal para cada paciente. Simples de colocar e retirar.

B -   Alças ergonómicas pré formadas que facilitam vestir e despir o dispositivo.

C -   Os velcros são fáceis de encurtar, permitindo adaptar-se às necessidades do doente.

D -   O material flexível no interior da faixa abdominal garante um ajuste perfeito.

 

 

Spinomed Active

A ortótese Spinomed active é constituída por um body e uma tala posterior.

O body incorpora reforços elásticos que apoiam a postura, enquanto que a tala é adaptada à curvatura da coluna vertebral e colocada num bolsa no interior do body, estimulando o reforço muscular e causando um efeito permanente de feedback biológico.

 

Spinomed Active

Spinomed Active. Fonte: Medi®

 

Spinomed Active - Ortótese Dorsolombar para terapia da Osteoporose

 

A -   Tala posterior moldável individualmente o que permite promover o efeito ideal para cada paciente. Simples de colocar e retirar.

B -   Alças reguláveis que asseguram um ajuste perfeito.

C -   Os materiais elásticos integrados garantem o efeito do princípio do biofeedback.

D -   Variantes possíveis: com copa integrada ou sem copa, fecho com entretela com colchetes ou com velcro.

 

 

Spinomed Active men

A ortótese Spinomed active men possui o aspeto de um body desportivo para homem, composto por calção e com uma bolsa em material têxtil, que abrange o tronco, e uma tala posterior regulável para as costas que é enfiada nessa bolsa. 

Spinomed active men

Spinomed active men. Fonte: Medi®

Spinomed Active men - Ortótese Dorsolombar Medi

A -   Tala posterior moldável individualmente o que permite promover o efeito ideal para cada paciente. Simples de colocar e retirar.

B -   Alças reguláveis que asseguram um ajuste perfeito.

C -   Fecho de correr frontal bidirecional prático.

 

 

Apesar de algumas diferenças, será que cada um dos modelos consegue resultados idênticos?

 

De forma a perceber se o uso do Spinomed ou do Spinomed active permitiam os mesmos resultados aos seus utilizadores, foram realizados alguns estudos que comparavam o uso destes dois dispositivos.

 

Estudo 1: Improved posture and trunk strength through spinal orthoses” 11ª Conferência Anual DGO (M. Pfeifer & Pyrmont, 2007).

Estudo 2: “Effects of Two Newly Developed Spinal Orthoses on Trunk Muscle Strength, Posture and Quality-of-Life in Women with Postmenopausal Osteoporosis- A Randomized Trial” (Michael Pfeifer, Kohlwey, Begerow, & Minne, 2011).     

 

O objetivo dos estudos foi avaliar a eficácia de duas ortóteses de coluna (Spinomed e Spinomed active) em pacientes com fraturas vertebrais. Os parâmetros de avaliação foram a força muscular do tronco, ângulo de cifose, peso corporal, oscilação corporal e parâmetros de qualidade de vida como a dor, bem-estar e limitações da vida diária.

 

Os dados do primeiro estudo revelaram que o tratamento o Spinomed active aumenta significativamente a força muscular das costas em pacientes com Osteoporose, juntamente com a diminuição da dor e melhoria da postura.

 

Os resultados obtidos no segundo estudo foram os seguintes (Michael Pfeifer et al., 2011):Aumento da força muscular das costas

   Aumento da força muscular abdominal

Diminuição do ângulo de cifose

Alteração da capacidade vital

Alteração na pontuação da dor

Diminuição da oscilação do corpo

 

Após 6 meses de utilização, ambas as ortóteses mostraram ser eficazes no tratamento de fraturas vertebrais e permitem:

Aumento da força muscular abdominal e das costas;

Diminuição do ângulo cifótico e da oscilação corporal (maior equilíbrio);

Menor sensação de dor e melhor capacidade vital.

 

Um dos aspetos mais interessantes do estudo foi o significante aumento da força muscular das costas, resultado esse que vai ao encontro de outros estudos que descrevem que existe o aumento da atividade elétrica dos músculos das costas aquando do uso de uma ortótese lombo-sagrada. Estes resultados apoiam, assim, que o conceito de biofeedback será o responsável pela eficácia das ortóteses.

As ortóteses utilizam o mecanismo de feedback biológico para relembrarem constantemente o seu usuário de manter uma postura ereta, postura essa que é adotada ativamente.

O aumento da força muscular das costas poderá ser também o responsável pela diminuição do ângulo de cifose, uma pré-condição para uma postura mais correta e menores valores de oscilação corporal. Este último parâmetro é normalmente documentado como sendo um fator de risco para quedas e fraturas a elas associadas.

A diminuição do ângulo de cifose contribui para a melhoria da função respiratória, mais precisamente da inspiração e expiração, e, com isso, a melhoria da capacidade vital.

Os resultados dos dois estudos comprovaram a eficácia do Spinomed e do Spinomed Active no tratamento de fraturas vertebrais e da diminuição do ângulo cifótico em mulheres com Osteoporose.

 

Tendo em conta os resultados aqui apresentados, é possível afirmar que a escolha de qualquer um dos modelos do Spinomed poderá ser uma opção no tratamento da Osteoporose.

 

O Spinomed active e o Spinomed active men estão apenas disponíveis sob medida, enquanto que o Spinomed IV está disponível para entrega imediata. A tiragem de medidas e moldagem da tala deverão ser realizadas por técnicos especializados tanto nestas questões, como no aconselhamento e acompanhamento dos pacientes.

 

Nas nossas lojas encontrará profissionais competentes para responderem às suas dúvidas e a aconselharem sobre estas ortóteses. Não hesite em visitar-nos.

Conheça as soluções e o preço do Spinomed que tem 3 modelos possiveis, de mulher, de homem e unisexo que pode ser considerado mais prático. Em todos eles existe uma “bolsa” para colocar a tala, que será sempre adaptada primeiramente pelo seu médico ou pelo seu ortoprotésico.

 

Fontes Bibliográficas:

LOPES, Hélio de Araújo; et. al. (2017) Densitometria Óssea. Revista Científica Multidisciplinar Núcleo do Conhecimento. Ano 02, Ed. 01, Vol. 13, pp. 428-433

Medi®

Pfeifer, M., Kohlwey, L., Begerow, B., & Minne, H. W. (2011). Effects of Two Newly Developed Spinal Orthoses on Trunk Muscle Strength, Posture and Quality-of-Life in Women with Postmenopausal Osteoporosis: a randomized trial. American Journal of Physical Medicine & Rehabilitation, 90, 805–815.

Pfeifer, M., & Pyrmont, B. (2007). Improved posture and trunk strength through spinal orthoses Spinomed and Spinomed active increase the quality of life for women with postmenopausal osteoporosis. Osteoporose & Rheuma Aktuell, 4.

 

Riscos de desenvolvimento de Osteoporose

Não foram encontrados comentários.

Novo comentário