Síndrome do Túnel Cárpico (Ortóteses imobilizadoras de pulso)

07-03-2018 23:46

Síndrome do Túnel Cárpico (Causas, sintomas e tratamentos)

 

O síndrome do túnel cárpico é uma neuropatia periférica bastante frequente e é definida pela compressão e/ou tração do nervo mediano no pulso.

 

O túnel do carpo é uma passagem estreita no pulso, com cerca de pouco mais 1cm de largura, sendo formado por pequenos ossos do pulso, os ossos do carpo. A parte de cima do túnel é composta por uma banda forte de tecido conjuntivo, designado por ligamento transversal do carpo. Uma vez que os seus limites são rígidos, o túnel do carpo tem pouca capacidade para alongar ou aumentar de tamanho. Os tendões que permitem a flexão dos dedos atravessam esta região.

 

O síndrome do túnel cárpico ocorre quando o túnel se estreita ou quando os tecido que circundam os tendões do flexor incham (aumento de fluido sinovial), pressionando o nervo mediano. Quando se dá o edema, o líquido sinovial ocupa espaço no túnel cárpico e, ao longo do tempo, vai pressionando o nervo. A pressão anormal sobre o nervo pode resultar em dor, dormência, formigueiro e fraqueza na mão.

 

A maioria dos casos resultam da combinação de diversos fatores, sendo as mulheres e as pessoas com mais idade as mais propícias a desenvolver esta condição.

 

Síndrome do Túnel Cárpico Túnel Cárpico

 

Quais as principais causas?

  • Fatores genéticos: o túnel cárpico pode ser mais pequeno em algumas pessoas ou podem existir diferenças anatómicas que altera o espaço para o nervo mediano;
  • Uso repetido da mão: A constante repetição dos mesmos movimentos da mão e pulso durante um período prolongado podem provocar lesões nos tendões do pulso, causando edema que exerce pressão sobre o nervo;
  • Atividades que envolvam movimentos excessivos de flexão ou extensão do da mão e do pulso por um logo período de tempo;
  • Gravidez: alterações hormonais podem levar ao aparecimento do edema;
  • Diabetes, artrite reumatoide e alterações na glândula da tiroide são condições associadas a este síndrome.
 

Quais os principais sintomas?

  • Sensação de calor;
  • Formigueiro;
  • Dor;
  • Debilidade ou dormência da mão e do pulso, especialmente nos dedos médio e indicador;
  • Em alguns casos, perda do tato.
sintomas do tunel do carpo
Sensação de calor;
• Formigueiro;
• Dor;
• Debilidade ou dormência da mão e do pulso, especialmente nos dedos médio e indicador;
• Em alguns casos, perda do tato.

Qual o tratamento?

Se for diagnosticado e tratado precocemente, os sintomas do síndrome do túnel cárpico podem ser aliviados sem cirurgia, conjugando-se períodos alternados de atividade e de repouso. Se o procedimento anterior não for suficiente deverão ser utilizadas ortóteses imobilizadoras do punho, acompanhada de anti-inflamatório.

 

Ortóteses Imobilizadoras de Pulso

As ortóteses imobilizadoras de pulso consistem em talas para o membro superior que, durante o tempo de utilização, permitem imobilizar a articulação do pulso e, com isto, o repouso do membro. O objetivo destes dispositivos é manter o pulso numa posição reta ou neutra, impedindo a flexão e extensão da articulação e reduzindo a pressão sobre o nervo mediano no túnel cárpico.

 

Estas ortóteses podem ser de uso noturno, de forma a possibilitarem o descanso da articulação durante esse período, ou de uso diurno durante atividades que poderão agravar os seus sintomas.

 

O uso noturno é o mais recomendado pois é durante esse período que é mais provável que a mão se dobre, impedindo a ortótese que tal aconteça. Quando o tratamento é este, é recomendável que, durante o dia, a articulação se mova naturalmente com o intuito de impedir que fique rígida e com fraqueza muscular.

 

Suporte para pulso com tala para dedos imobilizador de pulso do Túnel Cárpicoimobilizador de pulso para Síndrome do Túnel Cárpico

Exemplos de ortóteses imobilizadoras de pulso para Síndrome do Túnel Cárpico.

 

 

Referências Bibliográficas:

https://orthoinfo.aaos.org/en/diseases--conditions/carpal-tunnel-syndrom

Halac, G., Demi, S., Yucel, H., Niftaliyev, E., Kocaman, G., Duruyen, H., KenDirli, T., Asil,

T. (2015). Splinting is effective for night-only symptomatic carpal tunnel syndrome patients.

J. Phys. Ther. Sci., 27, 993–996

 

Síndrome do Túnel Cárpico

Não foram encontrados comentários.

Novo comentário