Rotura de Ligamentos no Joelho (Que opções de Joelheiras existem?)

08-04-2018 21:56

Rotura de Ligamentos no Joelho

 

Breve Anatomia

A articulação do joelho é formada pelo encontro de três ossos: o osso da coxa (fémur), um dos ossos da perna (tíbia) e a rótula (patela) sendo que este último osso está na frente da articulação de forma a protegê-la. É graças aos ligamentos (tecidos fibrosos) que os ossos são conectados entre si e, ao nível do joelho existem quatro ligamentos principais. Eles agem como fibras resistentes que mantêm os ossos unidos e o joelho estável.

Rotura de Ligamentos no Joelho

Os Ligamentos Colaterais estão localizados nas faces laterais do joelho. O ligamento colateral medial (LCM) está localizado no lado interno e o ligamento colateral lateral (LCL) no lado externo. São eles que controlam os movimentos laterais do joelho impedindo que sejam feitos movimentos excessivos ou anormais.

 

Os Ligamentos Cruzados encontram-se no interior da articulação do joelho e cruzam-se formando um X. O ligamento cruzado anterior (LCA) fica à frente e o ligamento cruzado posterior (LCP) atrás. Estes ligamentos têm como função controlar o movimento do joelho para a frente e para trás. Em particular o ligamento cruzado anterior tem o papel de impedir que a tíbia se desloque anteriormente face ao fémur, para além de conferir estabilidade rotacional ao joelho.

 

O que é?

Maioritariamente as roturas ocorrem nas articulações dos membros inferiores, como por exemplo no tornozelo, no joelho ou nos dedos dos pés.

 

Este tipo de lesão acontece quando os ligamentos são subitamente esticados ou rasgados, esta lesão é uma situação de emergência potencialmente grave que, se não for tratada atempadamente, pode ter consequências desagradáveis. Uma vez que os ligamentos do joelho servem para dar estabilidade à articulação, se um ou mais ligamentos estiver comprometido, todo o joelho ficará instável, este processo é geralmente acompanhado de dores intensas.

Lesão dos ligamentos

Causas

Existem diversas causas que podem levar à rotura dos ligamentos do joelho, como por exemplo:

  • Mudança repentina de direção;
  • Paragem brusca;
  • Redução de velocidade durante uma corrida;
  • Apoio incorreto dos pés no solo após um salto;
  • Queda ou traumatismo direto (obrigando as articulações adjacentes a sofrer fortes torções);
  • Contração muscular intensa.

 

Existem também fatores que aumentam a probabilidade de sofrer este tipo de lesões como é o caso da utilização de calçado inadequado (por exemplo saltos altos) ou mesmo em casos que se verifique excesso de peso.

 

Sinais e Sintomas

Dependendo do grau da lesão poderão variar os sinais e sintomas, entre eles estão:

  • Dores espontâneas e à palpação;
  • Edema (inchaço);
  • Dificuldade em mobilizar a articulação e instabilidade da mesma;
  • Marcha e apoio dificultadas ou mesmo impossíveis;
  • Equimose (tom arroxeado) passadas algumas horas ou dias;
  • Amplitude de movimentos reduzida;
  • Sensibilidade ao nível da articulação;
  • Desconforto ao caminhar;
  • Instabilidade do joelho (sensação de que vai ceder);
 

sintomas de rotura de ligamentos do joelho

Diagnóstico

Numa primeira instância será feito um exame físico para avaliar os sintomas e historial clínico, neste exame serão examinadas todas as estruturas do joelho lesionado comparando com as do joelho contralateral. A maioria das lesões ligamentares podem ser diagnosticadas através de um exame físico cuidado. Outros exames poderão ajudar a confirmar o diagnóstico do exame físico como as radiografias ou as ressonâncias magnéticas. Embora a radiografia não identifique os ligamentos, permite avaliar a presença de alterações nos ossos adjacentes, determinando se a lesão está associada a uma eventual fratura.

 

Tratamento

Numa primeira fase é importante a aplicação de gelo (10 a 15 minutos, várias vezes ao dia) de modo a diminuir o edema, evitar movimentos dolorosos e repousar o membro afetado. Para ajudar na redução do edema é importante fazer compressão através da utilização de uma joelheira elástica, estas ortóteses ajudam também a proteger a articulação do joelho conferindo-lhe estabilidade. É importante proteger o joelho essencialmente de movimentos laterais e a utilização

de uma joelheira com articulações policêntricas pode ser fundamental. O recurso às muletas pode ser necessário para evitar que seja feita carga sobre o joelho lesionado.

 

O tempo e métodos de tratamento variam de acordo com o grau de lesão e por vezes é necessário recorrer à intervenção cirúrgica para que se faça a reconstrução do ligamento lesado. No pós operatório é recorrente a utilização de uma ortótese com controlo da flexão e extensão. Numa fase incial esta ortótese será regulada de forma a que o membro fique em total imobilização e numa posição de extensão, de seguida e de acordo com os progressos da reabilitação esta joelheira irá sendo regulada para permitir os graus de movimento aconselháveis. A reabilitação é importante de forma a restaurar as funções do joelho, fortalecer os músculos e evitar a rigidez articular.

 

Joelheira elástica simples     Ortótese com articulações policêntricas   Ortótese com controlo da flexão e extensão

  1. Joelheira elástica simples     
  2. Ortótese com articulações policêntricas    
  3. Ortótese com controlo da flexão e extensão
 

Prevenção

A adoção de atitudes preventivas pode evitar as incidências de lesões ligamentares, especialmente se a pessoa já sofreu alguma lesão desse tipo.

A falta de recuperação muscular, o uso de cargas elevadas e prolongadas e a execução de movimentos inadequados podem aumentar o risco de uma lesão de uma estrutura saudável.

 

A utilização de joelheiras com barras laterais durante a prática desportiva tanto auxiliam na recuperação como controlam alguns movimentos laterais indesejados diminuindo desta forma o risco de contrair uma lesão.

 

Joelheira elástica desportiva JuzoJoelheira elástica desportiva MediJoelheira elástica desportiva Orliman Sports

Joelheiras elásticas desportivas com estabilização da rótula e barras laterais

 

Rotura de Ligamentos no Joelho (Joelheiras)

Não foram encontrados comentários.

Novo comentário