O que é a Doença de Osgood-Schlatter?

20-11-2016 19:38

Doença de Osgood-Schlatter

 

A Doença de Osgood-Schlatter tambem designada de Dor de Crescimento, é uma condição na qual a inserção do tendão rotuliano na tuberosidade da tíbia fica inflamada. Tem geralmente carater benigno, sendo transitória e autolimitada. 

Doença de Osgood-Schlatter

Imagem 1 – Doença de Osgood-Schlatter

 

 
  1. Ocorre com maior frequência em indivíduos do sexo masculino, em idades entre os 10 e os 15 anos
  2. No sexo feminino ocorre entre os 8 aos 12 anos. As crianças ou adolescentes mais afetados são as mais ativas e ou atletas.
  3. Em 20 a 30% das situações, afeta os indivíduos de forma bilateral.
  4. Um rápido crescimento e aumento da atividade física, predispõem ao desenvolvimento desta condição durante uma adolescência inicial.
 

Área dolorosa na doença de Osgood-Schlatter

Imagem 2 – Área dolorosa na doença de Osgood-Schlatter

 

Quais os principais sinais e sintomas?

  • Dor na zona anterior do joelho, na região da tuberosidade anterior da tíbia, exatamente na inserção do tendão rotuliano;
  • Proeminência óssea sobre a tuberosidade da tíbia (em algumas situações);
  • Edema, calor e rubor no local afetado.
 

Piora aos esforços físicos, principalmente após corridas ou saltos, ou à compressão e pequenos traumas.

Tratamento

  1. O tratamento é essencialmente conservador sendo raramente o tratamento cirúrgico indicado.
  2. Engloba a restrição das atividades físicas nos períodos de dor intensa, frio local, o uso de anti-inflamatórios não esteroides, o descanso e uso de ortóteses (como bandas infra rotulianas e amortecimento plantar).
  3. Não é necessário abandonar a atividade desportiva, mas sim reduzi-la quanto à sua duração, frequência ou intensidade durante um determinado período de tempo que seja suficiente para solucionar os sintomas ou torna-los toleráveis.
  4. Também a realização de estiramentos para melhorar a flexibilidade dos músculos e ligamentos das extremidades inferiores e fortalecer o joelho é indicada.
  5. A banda infra rotuliana ou suporte patelar pode ser utilizada. Estas são usadas com o objetivo de diminuir as forças de tração na tuberosidade da tíbia.
 

Alguns exemplos ortóteses:

Suporte patelarSuporte patelar em neopreno joelheira em neopreno rótula aberta

    Imagem 3 – Suporte patelar                          Imagem 4 – Suporte patelar em neopreno              Imagem 5 – joelheira em neopreno rótula aberta

 

Prognóstico

 

Embora seja considerada uma doença autolimitada que, por norma, se resolve ao se atingir a maturidade esquelética, os sintomas podem persistir por meses ou anos antes que tal aconteça. Está descrito que em mais de 10% dos casos, a sintomatologia persiste na idade adulta apesar das medidas conservadoras.

 

É importante referir que cada caso é um caso e que é importante consultar um médico de forma a determinar corretamente a patologia e, dessa forma, iniciar o tratamento mais adequado.

 

 

O que é a Doença de Osgood-Schlatter?

Não foram encontrados comentários.

Novo comentário